Nunca pensei que os "olhos do meu coração, no dizer de S. Paulo, revelassem pormenores por mim julgados completamente esquecidos...
Quinta-feira, 26.02.15

Tantas vezes pergunto,

angustiada:

«Diz-me, Senhor,

qual é Tua vontade,

o que Tu queres  que eu faça

e eu o farei,

se tiver Tua Graça.

Como se, na verdade,

eu não soubesse

o que nos dita a Tua Lei…

 

não só «não matarás,

não roubarás,

honrarás pai e mãe»

e os outros mandamentos,

mas também «vem e segue-Me»

renega todo o vão contentamento,

ama-Me, filha, como Eu te amo a ti,

ama com o mesmo ardor o teu irmão

e serás tal como te concebi,

barro moldado pela minha mão».

 

Então, Senhor,

como se há-de explicar

o pedido que faço a toda a hora,

só  porque não é fácil

abdicar

de quanto tenho agora?

 

E, no entanto, 

tudo o que tenho é nada,

a não ser a vontade

de Te honrar.

Dizes que o fardo é leve

e eu acredito,

mas peço-Te, Senhor,

ajuda-mo a levar.

 

 Clementina Relvas

 

publicado por clay às 12:09 | link do post | comentar | favorito
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
15
16
17
19
21
22
24
25
27
últ. comentários
Venha conhecer o nosso cantinho da escrita... Visi...
Querida Professora Acabei de ler o comentário da m...
Cara Drª Clementina Relvas,Vim hoje visitar o seu ...
Querida Vovó... ou Querida Professora:Para quem cu...
Querida Professora ,Estive uns tempos sem vir ao s...
Cara Sandra:É sempre um grande prazer e compensaçã...
Olá Cristina,tive o prazer de conhecer a su...
Dra Clementina :Fiquei feliz por receber uma respo...
Lisboa, 20 de Maio de 2011Peço desculpa de só agor...
Lisboa, 20 de Maio de 2011Querida Maria José:Lamen...
mais sobre mim
blogs SAPO